Vigilância Sanitária e PM interrompem festa de casamento e aniversário em chácaras de Marília


Um dos eventos contava com mais de 100 convidados. Boletim de ocorrência foi registrado com base nas restrições do Plano SP e de crime contra a saúde pública. Festas aconteciam em chácaras na zona sul de Marília
Prefeitura de Marília/ Divulgação
A Vigilância Sanitária da Prefeitura de Marília, com o apoio da Polícia Militar, interrompeu duas festas com aglomerações de pessoas que eram realizadas em chácaras da zona sul da cidade entre a noite de sábado (6) e madrugada deste domingo (7).
A equipe e os policiais militares chegaram aos locais após denúncias anônimas. Ao todo, a PM informou que atendeu pelo menos 17 ocorrências de desrespeito ao toque de restrição que está em vigor no estado de SP como medida de prevenção ao coronavírus.
Nas duas ocorrências nas chácaras, foram flagradas duas festas, sendo uma de casamento com aproximadamente 100 convidados e outra de aniversário com 30 participantes.
Foi registrado um boletim de ocorrências por desrespeito às normas preventivas de enfrentamento ao coronavírus do Plano São Paulo e ao artigo 268 do Código Penal Brasileiro, que considera crime o ato de infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa.
Como denunciar
Denúncias anônimas de festas clandestinas e aglomerações de pessoas podem ser realizadas na Ouvidoria Geral do Município pelo telefone (0800-7766-111), WhatsApp (14-99799-6361), e-mail ([email protected]) ou através do 190 da Polícia Militar.
Equipes da PM e Vigilância Sanitária chegaram aos locais após denúncias anônimas em Marília
Prefeitura de Marília/ Divulgação
Veja mais notícias da região no G1 Bauru e Marília
VÍDEOS: assista às reportagens do centro-oeste paulista