Marília trata 100% do esgoto com três Estações de Tratamento funcionando


No município, 1,3 milhão de litros/hora de dejetos deixam de ir para os rios por causa das ETEs que foram inauguradas. Marília conseguiu, em pouco tempo, colocar em funcionamento três ETEs, tratando 100% do esgoto
Prefeitura de Marília/Divulgação
Segundo o Painel Saneamento Brasil, produzido pelo Instituto Trata Brasil, com base em informações públicas, até a entrada em funcionamento das Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs) Pombo, Barbosa e Palmital, Marília despejava – por hora – o equivalente a 1,3 milhão de litros de dejetos, sem qualquer tratamento, nos mananciais do município.
Essa quantidade é suficiente para encher mais de 13 piscinas olímpicas por dia, de acordo com estimativas do Instituto. O volume “in natura” seguia direto para os leitos d’água – causando uma série de impactos ambientais e sociais. Com a conclusão das duas primeiras ETEs, cerca de 70% passou a ser tratado. A partir a inauguração da última das três ETEs – a do Palmital – em dezembro de 2020, 100% dos dejetos coletados já passam a receber tratamento.
O meio ambiente e a população têm muito a comemorar, já que em poucos anos Marília, finalmente deixou para trás uma condição medieval de lidar com o saneamento básico. O passo definitivo para conclusão das ETEs foi dado na primeira gestão do atual prefeito Daniel Alonso (2016-2020), que segue com um plano arrojado na área de meio ambiente.
Sistema de tratamento de esgoto de Marília tem capacidade para tratar 1.112 litros por segundo
Prefeitura de Marília/Divulgação
Voltando no tempo, o cenário em 2018 – ano com dados disponibilizados mais recentes – era de abandono. O esgoto produzido na cidade era de 12,1 bilhão de litros, o equivalente a 33,1 milhões de litros/dia, o que dá 1,3 milhão de litros por hora.
Hoje, o conjunto do sistema de tratamento de esgoto tem capacidade para tratar 1.112 litros por segundo. Isso é praticamente três vezes mais do que a produção de esgoto na cidade em 2018.
“É realmente a obra do século e que foi realizada pela nossa gestão, trazendo mais saúde e qualidade vida à população mariliense. Com o esgoto 100% tratado, vamos também atrair novas empresas, gerando mais renda e emprego para a nossa população”, disse o chefe do Executivo, Daniel Alonso.
Quer saber tudo o que acontece na cidade? Confira mais notícias de Marília aqui.
Com as três Estações de Tratamento de Esgoto em pleno funcionamento 100% do esgoto de Marília é tratado
Prefeitura de Marília/Divulgação
Colaboração de texto: Site Marília Notícia